Como é que as Enguias Elétricas podem Eletrocutar?

Como o mecanismo do choque é mais eletricidade do que biologia, vou tentar explicar (mas se algum biólogo ler isto, por favor corrija).

Os peixes elétricos, não somente as enguias (aliás nem toda enguia é elétrica) possuem células elétricas ou eletrócitos. Essas células são discóides e produzem cada uma em torno de 150 mV, o que seria muito pouco para causar um choque em qualquer outro animal ou ser humano.

Recomendado: O que é Grafeno e Porque ele é Importante?

Só que essas células se encontram em série no corpo do animal, as tensões se somam. Não é comum que algumas espécies de peixes elétricos produzam mais de 600V entra a cabeça e a ponta da cauda.

As células são estimuladas por comandos cerebrais desses animais quando estão coagidos, usando a eletricidade como defesa, ou precisam comer, utilizando a eletricidade para matar ou imobilizar uma presa.

Quando estimuladas, uma solução iônica de sódio e potássio são liberadas a partir de receptores adenosina (um pouco como neurônios).

As células elétricas funcionam de forma muito parecida aos músculos, sem porém a parte da contração, apenas liberação da eletricidade (este parágrafo pode ser melhorado).

O tecido formado de células elétricas é chamado então de órgão elétrico.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *